Arquivo da tag: Gail

Novo site da Tutóia Materiais

Buscando a atualização constante de sua comunicação para melhor atender as necessidades de informações de seus clientes, a Tutóia redesenhou o seu site, passando a oferecer conteúdo mais completo, moderno e dinâmico para seus visitantes. Além de informações sobre os materiais comercializados na loja, como a linha de piso Gail, Cerâmica Eliane, Metais Deca e Docol, assim como ampla linha de hidráulica e elétrica, o site oferece uma área aos profissionais de arquitetura, decoração e engenharia para a divulgação de trabalhos e conceitos. A dinâmica do site é gerada pela atualização constante dos produtos, de acordo com os lançamentos e os pedidos gerados a cada cliente. Além das informações descritivas e técnicas dos materiais, o site também oferece uma diversidade de imagens, onde o usuário pode conferir a variedade de cores e formas oferecidas por cada linha. Para conferir o novo endereço acesse o site: www.tutoiamateriais.com.br  e aproveite para enviar suas sugestões e comentários.

Piso cerâmico: como escolher?

O Brasil é o quarto maior produtor de revestimento cerâmico do mundo, uma grande gama de opções, para todos os gostos e necessidades. E na hora de escolher o piso não é raro as pessoas fazerem sua escolha apenas pela beleza e sofisticação, certo? Pois é, mas esta não é melhor atitude a tomar. Tão importante quanto o visual, é verificar a compatibilidade do piso com o local a que se destina.

Não se deve utilizar, por exemplo, um porcelanato polido em uma rampa de garagem, que em dias de chuva ou lavagem, fica escorregadio e pode causar acidentes.

O correto é pedir orientação ao vendedor sobre as melhores indicações de acordo com a área e atividade do local que pretende colocar o piso.

A indústria de pisos cerâmicos tem classificações normatizadas que podem ajudar a direcionar a escolha do produto ideal, como por exemplo o coeficiente de atrito superficial que classifica se o piso é antiderrapante ou não, ou o grau de resistência do esmalte ao desgaste por abrasão PEI.

Veja a classificação do PEI:

PEI 1: Produto recomendado para ambientes residenciais onde se caminha geralmente com chinelos ou pés descalços. Exemplo: banheiros e dormitórios residenciais, sem portas para o exterior.

PEI 2: Produto recomendado para ambientes residenciais onde se caminha geralmente com sapatos. Exemplo: todas as dependências residenciais, com exceção das cozinhas e entradas.

PEI 3: Produto recomendado para ambientes residenciais, onde se caminha geralmente com alguma quantidade de sujeira abrasiva que não seja areia e outros materiais de dureza maior que areia (todas as dependências residenciais).

PEI 4: Produto recomendado para ambientes residenciais (todas as dependências) e comerciais com alto tráfego. Exemplo: restaurantes, churrascarias, lojas, bancos, entradas, caminhos preferenciais, vendas e exposições abertas ao público e outras dependências.

PEI 5: Produto recomendado para ambientes residenciais e comerciais com tráfego muito elevado. Exemplo: restaurantes, churrascarias, lanchonetes, lojas, bancos, entradas, corredores, exposições abertas ao público, consultório, outras dependências.

Estes são alguns dos pontos que devemos considerar. Pesquise no site do fabricante informações sobre o produto caso você não sinta confiança no vendedor. Busque também informações no mercado, lembrando que nem sempre o mais caro é o melhor. Da mesma forma desconfie de preço muito abaixo do mercado para produtos de mesmo fim.

Revestimentos naturais – Villa do Mármore

A partir deste mês estamos disponibilizando em nossa loja toda a linha de revestimentos em pedras naturais, nacionais e importadas, da Villa do Mármore – empresa especializada na produção de mosaicos especiais, com peças diferenciadas, como a pastilha telada em Carrara (foto).

Entre em contato e faça um orçamento sem compromisso. Aproveite para conhecer outras novidades que estamos disponibilizando para você.

Acesse http://www.tutoiavirtual.com.br ou pelo 3885-6578 direto na loja.

KeraFloor Gail – Piso Industrial Kitchen

A Gail está lançando o piso KeraFloor, um grês porcelânico extrudado, de alto desempenho e baixíssima absorção, ideal para uso industrial, inclusive em cozinhas.

O piso vem para substituir o formato 6024 (240x240x11mm) da linha industrial, e será comercializado em placas 30x30cm, com duas possibilidades de espessura: 8mm e 12mm.

Para outras informações entre em contato com a Tutóia pelos telefones 3885-6578 / 4704.

O estigma das lojas de materiais de construção

As lojas de materiais de construção e ferragens fazem parte da historia das cidades. São como os armazéns e os armarinhos dos tempos da minha avó, onde se encontrava de tudo, numa desordem “ordenada”. Pois bem, assim se constituíram os comércios de bairro durante muitos anos e prosperam aproveitando-se do crescimento da cidade e das necessidades pungentes daqueles anos.

Hoje, porém, a realidade é outra. O mercado se modernizou, o consumidor se tornou mais exigente e seletivo, surgiram os grandes magazines, as lojas de departamento, os home-centers e os shoppings-centers. Mas nem por isso o mercado de rua ou as lojas “de bairro” desapareceram. Diminuíram em quantidade e volume, mas sobrevivem pela persistência de seus idealizadores.

O grande desafio das lojas de materiais de construção e ferragens de hoje é acompanhar as transformações do mercado e assimilar as novas tendências, além de romper com os paradigmas que foram criados ao longo dos anos sobre a organização, a administração e os preços.

Há três anos estamos buscando implantar este novo conceito, que envolve também o atendimento, a diversificação dos produtos oferecidos com ampliação linhas mais nobres de acabamento e decoração, com preços mais competitivos. Mas temos esbarrado, principalmente, no preconceito arraigado de que loja de material de construção é suja e bagunçada, ainda que não seja.

Assim são os novos caminhos, cheios de dificuldades e adversidades. Em alguns momentos até parece que estamos perdidos, ou andando em círculo, no mesmo lugar. Mas aí lembro que muitas das boas idéias que já pareceram ridículas, foram desacreditas e quase abandonadas, mas que se tornaram realidade pelo trabalho e persistência.